quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Pastelzinho de Forno II


Essa receita de pastel de forno da Sol Tarcitano tava bombando lá no grupo de Culinária do face, e apesar de eu já ter e gostar da receita que costumo fazer, resolvi testar a dela. Achei bem semelhante à receita que já postei aqui, mas se tivesse que escolher uma, acho escolheria a dela. Fica uma delícia!

Ingredientes:

2 e 1/4 xícaras (chá) de farinha de trigo
200 gramas de manteiga gelada (ou margarina culinária) pode ser com sal
100 mL de iogurte natural
Sal à gosto
1 gema para pincelar

Modo de preparo:

Misturar todos os ingredientes até formar uma bola que desgrude das mãos (se necessário, coloque mais farinha). Deixe na geladeira por 2 horas. Abra a massa com rolo de pastel e recheie ao seu gosto (esses eu fiz com recheio de frango). Pincele com a gema batida e leve ao forno numa assadeira untada até dourar.

Dicas:

Mesmo que a receita passe a quantidade certinha de farinha de trigo, coloque aos poucos, enquanto vai misturando os ingredientes. Pode ser que precise de mais ou menos farinha, é mais fácil dar o "ajuste" com ela do que com os outros ingredientes da massa.
Lembre-se de colocar o recheio já frio sobre a massa!
A receita pede para deixar a massa por 2 horas na geladeira. Eu deixei esse tempo e depois achei que ela ficou um pouco dura para trabalhar, melhorou apenas quando esquentou um pouco. Sugiro que você deixe a massa na geladeira no tempo determinado, mas retire uns 10-15 minutos antes de modelar os pastéis.

domingo, 16 de dezembro de 2012

Bolo de Chocolate com Nozes



Fiz este bolo para levar lá no trabalho do meu marido, no dia do aniversário dele. Quase morri para carregar esse bolão debaixo do calorzinho básico do Rio. É super simples de fazer, e taí uma ótima dica para o Natal. Desculpem a qualidade da foto porque é de celular.

Ingredientes:

Para a massa:
4 ovos
2 colheres (sopa) de margarina
2 xícaras (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de leite morno
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
7 colheres (sopa) rasas de chocolate em pó
1 colher (sopa) de fermento

Para o recheio e cobertura:
3 latas de leite condensado cozidas na pressão por 35 minutos
500 gramas de chocolate meio amargo
100 gramas de nozes trituradas (não deixe virar farelo!)
2 caixinhas de creme de leite
2 caixinhas de chantilly
Raspas de chocolate e 50 gramas de nozes trituradas (reserve algumas inteiras) para decorar

Modo de preparo:

Para a massa:
Bater bem os ovos, a margarina e o açúcar. Juntar o leite morno e bater mais um pouco. Desligue a batedeira, coloque aos poucos e delicadamente a farinha, o chocolate em pó e o fermento (todos peneirados). Despeje numa fôrma redonda (28 cm), untada e enfarinhada, e leve para assar.

Para o recheio e cobertura:
Bata as latas de leite condensado já cozidas e frias na batedeira para ficar cremoso. Junte o chocolate derretido e o creme de leite e bata bem até ficar homogêneo. Acrescente 100 gramas de nozes trituradas e apenas misture. Corte o bolo já frio em 3 partes, molhe cada uma com uma calda de sua preferência (molhei apenas com leite). Na própria forma onde o bolo foi assado, coloque uma parte de massa, metade do recheio preparado. Coloque a segunda parte da massa e finalize o recheio. Cubra com a última parte e leve para a geladeira por algumas horas (gosto de deixar de um dia para o outro). Desenforme e cubra com o chantilly pronto (batido conforme instruções da embalagem), decore com nozes trituradas nas laterais e raspas de chocolate na parte de cima.

Dicas:

Eu não sou apaixonada por nozes, fiz este bolo seguindo o gosto do meu marido. Você pode substituí-las por avelãs ou castanha-do-pará.
Ah! Este recheio não fica muito doce por conta do chocolate meio amargo. E rende bastante.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Quiche Marguerita


Estou numa fase "marguerita" quando o assunto é culinária. Quero que tudo seja marguerita: a pizza, a torta, a quiche, o pastel e por aí vai. Sempre adorei tomates e depois que descobri o manjericão, nunca mais larguei. Combinação mais que perfeita!

Ingredientes:

Para a massa:
190 gramas de farinha de trigo peneirada
5 gramas de sal
115 gramas de manteiga integral sem sal
Água (o quanto baste)
1 clara para pincelar

Para o recheio:
3 ovos
1 lata de creme de leite
200 gramas de tomates tipo cereja, cortados ao meio
150 gramas de muçarela (ralada ou fatiada)
Folhas de manjericão a gosto
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Para a massa (paté brisée):
Misture a farinha e o sal, acrescente a manteiga gelada cortada em cubos e com as pontas dos dedos, misture sem sovar a massa, formando uma espécie de farofa. Acrescente a água aos poucos até que a massa se torne lisa e homogênea. Reserve refrigerada por 30 minutos. Abra com o rolo e com auxílio de filme plástico e disponha em uma assadeira própria para quiche (a minha tem 25 cm). Gele, pincele com a clara de ovo crua para impermeabilizar a massa*, fure com garfo** e leve ao forno pré aquecido (180º C) para pré-assar a massa (isso leva mais ou menos uns 10 minutos).

Para o recheio:
Com um fouet (ou garfo se você não tiver um), bata bem os ovos. Junte o creme de leite, tempere a gosto e bata mais um pouco. Disponha os tomates e as folhas de manjericão sobre a massa pré-assada, em seguida despeje o creme por cima. Cubra com a muçarela e leve ao forno até dourar.

Dicas:

*Pincelar clara de ovo sobre a massa crua impermeabiliza a massa, impedindo que a mesma absorva umidade do recheio.
**Quando for assar massas para tortas, sempre fure a base com um garfo. Isso é para que a massa asse ao invés de cozinhar.
Cuidado ao acrescentar a água na massa, pois para dar o ponto você precisa colocar bem pouca quantidade. Se colocar demais, passa do ponto.

domingo, 9 de dezembro de 2012

Biscoitos Amanteigados Finos



Adoro biscoitos caseiros, mas não sou muito de fazer porque acho que dão um trabalho excessivo. Vi as fotos desses biscoitos no grupo de culinária do facebook, e peguei a receita lá no blog do Mauro Rebelo. São da amiga Guineverre Alvarez. Estes não dão aqueeele trabalho, mas necessitam de algum empenho. Ficam levinhos, dão vontade de comer sem parar.

Ingredientes:

90 gramas de manteiga
5 colheres (sopa) de açúcar
6 colheres (chá) de creme de leite
3 gemas
1 e 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo peneirada
1 colher (chá) rasa de fermento
Essência de baunilha a gosto
100 gramas de chocolate meio amargo para banhar (usei ao leite)

Modo de preparo:

Bata a manteiga com o açúcar até formar um creme branco. Adicione o creme de leite e as gemas*, batendo. Peneire a farinha juntamente com o fermento e bata mais um pouco na batedeira, acrescentando a baunilha. Coloque a massa em um saco de confeitar e, com um bico canelado grande, desenhe biscoitos em uma assadeira untada. Asse em forno baixo até dourar. Espere esfriar e retire da assadeira, banhando em chocolate derretido em seguida.

Dicas:

* Peneire as gemas para que a massa não fique com gosto e cheiro forte de ovo.
Usei chocolate nobre para banhar os biscoitos, daí demorou a beça para secar (eu não sei dar choque térmico!). Se você escolher um chocolate fracionado/hidrogenado, o aspecto final será melhor, mas certamente perderá no sabor.
Para esta receita, é importante fazer os biscoitos nesse formato de "rosquinha". A massa fica muito mais leve. Acabei fazendo alguns em formato de borboleta porque a massa fica pesada para empurrar no saco de confeitar (meu braço com tendinite pede arrego), os biscoitos nesse formato ficaram mais secos e durinhos. Não que fiquem ruins, mas o formato "rosquinha" é muito mais gostoso.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Baguete Recheada



Oi gente! Depois de um longo período ausente, estou de volta! Estava no meio da minha 5ª mudança. Já deu, né? E ainda por cima fiquei sem internet por muitos dias. Bom, essa receita está para ser publicada há bastante tempo. Um dia vi a publicação da Tati lá no Panelaterapia dessa baguete e achei super interessante. É mais uma receita de máquina de pão que presta quando feita na mão mesmo. E presta de verdade, não é trabalhosa, fica uma delícia!

Ingredientes:

150 mL de água morna
1 ovo
100 mL de óleo
1/2 colher (sopa) de sal
1 colher (sopa) de açúcar
1/2 kg de farinha de trigo
1/2 sachê de fermento biológico seco

Modo de preparo (na mão):

Junte todos os ingredientes e amasse bem, colocando a farinha aos poucos (pode ser que precise de mais farinha, ou de menos). A massa estará no ponto quando estiver desgrudando das mãos. Coloque numa bacia, cubra com um pano e deixe num local abafado até dobrar de volume. Divida a massa (rende 2 baguetes grandes), abra, espalhe o recheio à gosto em uma das metades da massa aberta e feche, formando uma baguete. Com uma faca bem afiada faça cortes na massa para dar esse efeito no pão. Unte uma assadeira com óleo, coloque a baguete e pincele gema de ovo. Leve para assar (200ºC) até dourar por cima.

Dicas:

Recheei com presunto, pimentão, queijo, ovos cozidos, milho e orégano (sabor "portuguesa" rsrs).
Dica da Tati que eu segui: se quiser colocar parmesão por cima quando estiver quase assado, abra o forno e salpique o parmesão. Volte para o forno por cerca de 5 minutos (se colocar o parmesão antes ele pode queimar).
Se for fazer na máquina de pão: é só colocar os ingredientes na ordem acima e ligar no ciclo "massa". Ela vai amassar e deixar crescer, depois disso você retira a massa da máquina e continua o processo.

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Bolo Romance


Desde que vi esse bolo pela primeira vez lá no falecido Orkut, me encantei e quis fazer. Só que eu achava que a execução seria muito difícil e ficava postergando. Um dia, me inspirei e fiz. O bolo é delicioso, mas não vou enganar vocês: dá trabalho sim. E o meu não ficou bonito mas eu tive que postar aqui porque é realmente muito gostoso e quem gosta de usar chocolate fracionado com certeza vai obter um melhor resultado. Essa é outra receita da Izabel Augusta, e a receita com o pap dela você encontra aqui, o bolo dela tá perfeito e ainda é na forma de um coração!

Ingredientes:

Para a massa:
3 ovos
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de óleo
1 xícara de chocolate em pó
1 xícara de leite quente
2 xícaras de (chá) farinha de trigo
1 colher de (café) canela em pó (não coloquei)
1 colher de (sopa) fermento em pó

Para o recheio cremoso de brigadeiro:
1 lata de leite condensado
1/2 lata de leite comum
1 colher de (sopa) margarina rasa
1 colher de (sopa) amido de milho
4 colheres de (sopa) chocolate em pó
4 colheres (sopa) de chantilly batido
1/2 xícara de chocolate ao leite picado (use o chocolate da barra de 500 gramas)

Outros recheios e cobertura:
3 caixas de morango, lavados e enxutos
1 pote de creme de leite fresco p/chantily, 300gr (usei o de caixinha)
1 barra de chocolate ao leite (500 gramas)
1 barra de chocolate branco (180 gramas)

Modo de preparo:

Para a massa:
Bata tudo antes de acrescentar o fermento em pó, finalize com ele. Leve ao forno preaquecido, fogo baixo, até assar.

Para o recheio cremoso de brigadeiro:
Misture o leite condensado, o leite, a margarina, o chocolate em pó e o amido de milho. Mexa sempre até engrossar e desprender do fundo da panela. Quando esfriar vai ficar bem firme. Reserve. Depois de frio, coloque o chantilly e bata na batedeira até ficar cremoso e homogêneo.

Outros recheios de cobertura:
Derreta os chocolates separadamente para fazer a tampa do bolo. Corte uma folha de papel manteiga no mesmo formato da fôrma que você preparou a massa do bolo (use a mesma fôrma para fazer a tampa, será mais fácil fazer dentro dela), coloque porções de chocolate ao leite, deixando "buracos" para serem preenchidos com o chocolate branco. Faça riscos com um palito para formar os desenhos. Quando a tampa secar, coloque-a por cima do bolo.

Dicas e montagem:

Comece cavando o bolo depois de pronto e frio. Use uma colher e uma faca e retire todo o miolo do bolo. Cuidado para não furar o fundo do bolo e não deixe muito fino (eu acabei deixando). Deverá ficar assim:
Despeje o recheio de brigadeiro cremoso:
Por cima, meia xícara de chocolate picado:
Cubra com metades de morangos:
Coloque por cima o chantilly batido:
Agora coloque morangos inteiros por cima do chantilly, cobrindo toda a superfície:
Agora é só cobrir com a tampa já seca:

Bom, o meu não ficou lindão como o da Izabel por 2 razões: primeiro porque eu usei chocolate nobre, que é difícil de se trabalhar e ainda por cima eu não aprendi a dar o choque térmico até hoje. Minha tampa não secava nunca, tava mole ainda e eu coloquei assim mesmo por cima do bolo. E além de mole, ficou muito espessa. Na hora que endureceu na geladeira foi o "ó" para cortar. A dica que a Izabel da é para cortar com uma faca aquecida.
E a outra razão foi a falta de morangos. Isso mesmo, como eu não tinha morangos o suficiente para colocar na camada acima do chantilly, a tampa - que ainda estava mole - não tinha como se sustentar, pois os morangos ficam concentrados no centro, havia espaço nas beiradas. Comprei 3 caixas como mandava a receita, mas não dá para garantir que todos estão perfeitos dentro da caixinha.
Esse bolo não dura muito tempo: os morangos soltam água no recheio, e a parte lateral do bolo fica um pouco ressecada e dura na geladeira com o passar dos dias. Então não perca tempo e coma logo o seu bolo!







quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Bolo Superamanteigado


Não é o meu preferido, mas as vezes tenho vontade de comer um bolinho simples, bem fofinho e sem um nadinha de calda/recheio/cobertura. Ganhei um livro bem legal só de bolos - "Bolos para todos os gostos", e sim, tem todo tipo de bolo lá. Este que eu fiz está na página 48. Confesso que quando a massa ficou pronta, pensei que não ia prestar porque dá uma massa grossa, pesada... me enganei. O bolo é super fofo e delicioso.

Ingredientes:

250 gramas de farinha de trigo com fermento*
1 colher (chá) de fermento em pó
250 gramas de manteiga sem sal em temperatura ambiente
200 gramas de açúcar
3 ovos batidos
3 colheres (sopa) de leite
1 colher (chá) de essência de baunilha

Modo de preparo:

Preaqueça o forno a 180ºC. Unte e forre o fundo de uma fôrma de bolo inglês de 900 gramas. Peneire a farinha de trigo e o fermento em pó em uma tigela. Reserve. Bata a manteiga e o açúcar em creme por 4-5 minutos, até ficar claro e fofo. Acrescente aos poucos os ovos, o leite e a essência de baunilha. Incorpore a mistura de farinha até ficar homogêneo. Colque a massa na fôrma e nivele. Asse por 50-55 minutos, até ficar firme ao toque e um palito espetado no centro sair limpo. Deixe esfriar na fôrma por 10 minutos, desenforme sobre uma grade e espere esfriar. Sirva em fatias.

Dicas:

*Aqui em casa não tem dessa farinha com fermento, então ao invés de usar 1 colher de chá de fermento, usei 1 colher de sobremesa.
Se quiser uma cobertura crocante, polvilhe açúcar cristal sobre a massa antes de assar.

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Empadão Cremoso de Presunto e Queijo



Depois do aniversário do meu filho, minha geladeira ficou impraticável. Era tanta sobra que resolvi fazer esta torta - usei presunto, queijo, cream cheese, catupiry, requeijão e um recheio maravilhoso estava pronto. A massa é a minha favorita, a das empadas que não desmancham que já postei aqui no blog várias vezes.

Ingredientes:

Para a massa podre:
250 gramas de farinha de trigo
125 gramas de manteiga cortada em pedaços pequenos e levemente amolecida
1 ovo
1 colher (chá) de açúcar refinado
1/2 colher (chá) de sal
40 mL de água fria

Para o recheio:
250 gramas de presunto picado
250 gramas de muçarela picada
1/2 pote de cream cheese
1 copo de requeijão cremoso
Cerca de 300 gramas de catupiry
1/2 caixinha de creme de leite
Temperos a gosto (usei apenas cheiro-verde)

Modo de preparo:

Para a massa podre:
Despeje a farinha sobre a superfície de trabalho e faça um buraco no meio. Nele, acrescente a manteiga, o ovo, o açúcar e o sal. Com a ponta dos dedos, misture esses ingredientes até obter um creme. Em seguida, pouco a pouco, incorpore a farinha no centro e trabalhe a massa com a ponta dos dedos até obter uma textura granulada. Adicione a água fria e misture tudo até a massa começar a dar liga. Usando a palma da mão, empurre a massa para longe de você 4 ou 5 vezes, até ficar homogênea. Forme uma bola com a massa, envolva em filme plástico e mantenha na geladeira até a hora de usar. Abra a massa com o rolo sobre uma superfície enfarinhada.

Para o recheio:
Numa panela em fogo baixo, junte o catupiry, o requeijão, o creme de leite e o cream cheese até ficar um creme homogêneo (se estiver muito grosso, coloque um pouquinho mais de creme de leite). Acrescente a muçarela e o presunto picados e misture bem. Finalize com o cheiro-verde. Reserve até esfriar e recheie a torta. Pincele gema e leve ao forno até dourar.

Dicas:

Esse tipo de recheio fica com gosto bem forte de queijo.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Tarteletes de Nutella com Morango


Já postei tarteletes aqui antes, lembram? Para o aniversário do meu filho fiz com nutella. Gente, nem preciso dizer o quanto isso é bom, né?

Ingredientes:

Para a massa:
1 ovo
50 gramas de manteiga
2 colheres (sobremesa) de óleo
1 colher (chá) de fermento em pó
1/4 xícara (chá) de açúcar
1 pitada de sal
Farinha de trigo (até dar o ponto)

Para o recheio:
2 potes grandes de Nutella
Cerca de 20 morangos
1/2 caixinha de chantilly batido

Modo de preparo:

Para a massa:
Misturar todos os ingredientes até obter uma massa homogênea. Deixar na geladeira até a hora de usar. Esticar a massa com as mãos, deixando bem fininha, depois coloque nas forminhas para tartelete. Faça furos com o garfo na base de cada forma. Levar para assar até dourar levemente. Retire, espere esfriar e desenforme cada tartelete.

Para o recheio:
Coloque uma quantidade generosa de Nutella em cada tartelete. Faça uma "flor" grande usando um bico de confeitar e por cima coloque um morango bem lavado e seco. Sirva imediatamente.

Dicas:

Não coloque a tortinha na geladeira! Nutella e geladeira não combinam de jeito nenhum, o creme vai ficar duro. O ideal é consumir no mesmo dia.
Essa massa cresce um pouquinho na hora que está assando. Por isso é importante deixá-la bem fininha enquanto estiver moldando na forma.
Essa receita de massa vai render mais do que 20 tarteletes. Para o aniversário do meu filho, usei tudo que tinha de Nutella e com a massa restante fiz tarteletes de limão. A receita inteira dessa massa deve render umas 35-40 unidades. Se você pretende fazer apenas com Nutella, sugiro que prepare apenas meia receita de massa.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Docinho de Copinho "Charge"


Coisa a toa fazer esses docinhos deliciosos que ilustraram a festinha de 2 anos do meu filho. Eu queria um docinho no copinho que fosse fácil, e a ideia partiu do marido: "faz um troço tipo Charge"! O negócio era mais ou menos assim: uma ganache por baixo, doce de leite por cima e a decoração ficava por conta do amendoim! Tá, eu sei que o que tem no Charge é caramelo, mas confessa aí: leite condensado cozido não é bem melhor?

Ingredientes:

2 latas de leite condensado
2 barras de chocolate ao leite
2 latas de creme de leite
Amendoim torrado e picado a gosto

Modo de preparo:

Cozinhe as latas de leite condensado na pressão por cerca de 35 minutos. Deixe esfriar, abra e bata na batedeira para ficar cremoso. Reserve. Derreta o chocolate com o creme de leite até ficar homogêneo. Espere esfriar um pouco. Pegue um copinho, coloque mais ou menos 2 dedos de ganache e por cima coloque um pouco do doce de leite (cerca de 1 dedo). Decore com os amendoins, coloque uma colherzinha e leve para a geladeira até firmar.

Dicas:

Se você quer o "docinho menos doce", use chocolate meio amargo para fazer a ganache.
Você consegue uma apresentação melhor para este docinho se deixar a ganache já no copinho dentro da geladeira por mais ou menos meia hora antes de colocar o doce de leite. Fazendo dessa forma, a ganache ficará mais firme e o doce de leite não afundará no meio dela como aconteceu com os meus.
Tenho que confessar que é meio chato montar esse docinho. Eu não tenho "mão boa" para isso, então toda hora caía ganache ou doce nas bordas e ficava feio. E toda hora tinha que limpar com papel toalha.
Essa receita rendeu uns 40 copinhos.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Bolo de Pão de Queijo



Minha mãe tem uma panificadora e um dia fez um "bolo de pão de queijo" que estava no livro de receitas que veio com a máquina. Gostei tanto e fiquei com tanta vontade de comer de novo que resolvi fazer em casa, sem a panificadora e no forno comum mesmo. Deu certinho! Para quem acompanha o blog, na minha opinião essa receita é melhor do que essa aqui que já postei antes. Se parece mais com um pão de queijo mesmo, no sabor e na textura.

Ingredientes:

2 ovos
1 copo de leite
1/2 copo de óleo
3 copos de polvilho azedo
1 colher (chá) de sal
2 colheres (chá) de fermento em pó químico
1 pitada de orégano
1 copo de queijo parmesão ralado
2 copos de queijo muçarela picado

Modo de preparo:

Bata no liquidificador os ovos, o leite, o óleo, o sal e o polvilho azedo. Depois que muito bem batido, acrescente o fermento e bata mais um pouco. Despeje numa vasilha e junte os queijos, o orégano e coloque para assar numa fôrma untada e enfarinhada. Asse até dourar levemente (ou à seu gosto).

Dicas:

Fiz meia receita, pois além da minha fôrma ser pequena esse tipo de receita não fica muito gostoso no dia seguinte.
A capacidade do copo é de 250 mL.

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Bolo Dois Amores




Depois de uma semana intensa repleta de planejamentos a respeito da festinha de 2 anos do meu filho, estou de volta! Em breve vou postar no blog o que ainda não apareceu por aqui. Mas resolvi passar na frente este bolo que fez tanto sucesso, e já tem gente pedindo a receita! Parece trabalhoso, mas não é.


Para a massa:
6 ovos
3 colheres (sopa) de margarina
3 xícaras (chá) de açúcar
1 e 1/2 xícara (chá) de leite morno
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
10 colheres (sopa) rasas de chocolate em pó
1 colher (sopa) cheia de fermento

Para o recheio de chocolate branco:
1 quilo de chocolate branco nobre (usei o laka, da lacta)
2 latas de creme de leite

Para o recheio de chocolate preto:
1 quilo de chocolate ao leite nobre (usei ao leite da lacta)
2 latas de creme de leite

Para a cobertura, montagem e decoração:
2 caixinhas de chantilly
Cerca de 17 chocolates kit-kat
Confeitos variados a gosto (usei 7 variedades: granulado, bolinhas, estrelinhas, amendoim torrado e granulado, mini bis, balinhas de goma e m&m)
Uma fitinha azul para fazer o laço

Modo de preparo:

Para a massa:
Bater bem os ovos, a margarina e o açúcar. Juntar o leite morno e bater mais um pouco. Desligue a batedeira, coloque aos poucos e delicadamente a farinha, o chocolate em pó e o fermento (todos peneirados). Despeje numa fôrma retangular funda (mais ou menos 20x30cm), untada e enfarinhada, e leve para assar.

Para o recheio de chocolate branco:
Derreta o chocolate branco, misture o creme de leite e mexa bem até ficar um creme homogêneo. Reserve na geladeira para firmar um pouco (cerca de 30 minutos).

Para o recheio de chocolate preto:
Derreta o chocolate ao leite, misture o creme de leite e mexa bem até ficar um creme homogêneo. Reserve na geladeira para firmar um pouco (cerca de 30 minutos).

Para a cobertura, montagem e decoração:
Quando o bolo estiver assado e frio, corte em 3 partes. Molhe cada uma com uma calda a gosto (leite de coco, leite puro, leite com açúcar, ou uma calda com leite condensado e leite, refrigerante, o que você gostar. Eu molhei apenas com leite.) Forre a própria forma onde o bolo foi assado com um plástico grande, deixe beiradas grandes para fora (depois fica mais fácil para desenformar). Coloque a primeira parte do bolo e o recheio de chocolate branco. Cubra com a outra parte do bolo e então despeje o recheio de chocolate ao leite. Coloque a tampa do bolo por cima, feche as beiradas do plástico e leve para a geladeira até o dia seguinte. Com cuidado, desenforme sobre o prato de servir. Espalhe bastante chantilly batido em ponto firme, passe em todo o bolo. Ao redor, "cole" os kit-kats (de 2 em 2 dá uma boa sustentação) ao redor do bolo. Por cima, nivele com chantilly e espalhe os confeitos formando diagonais. Passe a fitinha dando um laço e leve para a geladeira.

Dicas:

Por favoooooor, não vá usar chocolate vagabundo nesses recheios!!! Depois vai ficar com aquele gosto de vela derretida e aí vão falar que a receita é ruim! Use um bom chocolate! E não só o chocolate, eu sempre falo que todos os ingredientes tem que ser de qualidade. Por exemplo, a marca do fermento faz diferença, a do chocolate em pó, o creme de leite... tudo! Fique sabendo que este é um bolo caro antes de querer economizar no que é fundamental.
Tive um pouquinho mais de trabalho para fazer esse bolo porque minha assadeira era rasa para essa quantidade de massa. Aí fiz assim: assei 2/3 da receita primeiro, e depois o 1/3 restante. Também foi meio complicado para montar dentro dessa assadeira, pois o bolo era mais alto do que a forma. O plástico ajudou muito nessa hora, para que um dos recheios não escorresse.
O bom de fazer um bolo todinho confeitado como esse é que consigo "esconder" os defeitinhos haahahahah

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Pão de Azeite



Eu estava com um receio doido de fazer pão de novo porque o último que fiz ficou horrível, até que achei a receita desse pão de azeite nesse delicioso blog aqui. Me pareceu tão fácil, tinha a cara que ia dar certo rsrs. Resolvi arriscar... e não é que deu? Podem fazer sem medo.

Ingredientes:

3 copos* de leite morno
3 ovos
2 tabletes de fermento biológico fresco (15 gramas cada)
1 copo de azeite
1 colher (chá) de açúcar
2 colheres (chá) de sal
1 quilo de farinha de trigo
6 colheres (sopa) de cheiro verde fresco picado

Modo de preparo:

Bata no liquidificador o leite, os ovos, o fermento, o azeite, o açúcar e o sal. Despeje a mistura numa vasilha grande e junte a farinha e o cheiro verde. Mexa bem a massa e deixe descansar por 1 hora ou até dobrar de volume. Não precisa sovar, e a massa fica mole mesmo. Unte e enfarinhe 2 formas grandes para pão. Divida a massa nas formas e deixe crescer por 30 minutos ou até dobrar de volume novamente. Coloque para assar no forno pré-aquecido (230º C) até dourar. Desenforme e deixe esfriar sobre uma grade para que o fundo do pão não fique úmido.

Dicas:

*Capacidade do copo: 250 mL
Lembre-se que se estiver frio, o pão demora mais para crescer. Deixe num local sem ventilação, abafado com um pano. Eu costumo fazer assim: ligo o forno por uns 10 segundos, desligo e então coloco a massa de pão para crescer lá dentro. Sempre deu certo.
A receita era muito grande e acabei fazendo 1/3 dela. Rende bastante.
Sobrou pão? Então espere esfriar completamente, e então coloque dentro de um saquinho plástico. Ele vai se conservar melhor assim.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Torta Doce de Massa Folhada



Essa torta eu fiz para lembrar a Torta Chilena que já postei aqui. Dessa vez troquei os recheios e a cobertura, e confesso que gostei mais dessa versão. Também fiz com menos camadas, massa folhada é dose de fatiar, ainda mais se for alta feito uma torre! Ficou fácil demais de fazer, pois comprei a massa pronta, os recheios também... Boa para quando você tiver com aquela preguiça com pouco tempo para cozinhar.

Ingredientes:

1 embalagem de massa folhada pronta
1 lata "Moça Docinho Cremoso" - não sabe o que é, clica aqui
1 copo de geleia de framboesa
1 caixinha de chantilly

Modo de preparo:

A embalagem de massa folhada vem com 10 massas. Unte uma forma grande com óleo e disponha 5 massas, lado a lado. Leve para assar até dourar. Retire as massas assadas e coloque para esfriar, repita o procedimento para assar as massas restantes. Depois, monte a torta. Use uma forma de bolo inglês pequena. Forre com um plástico, coloque 2 massas assadas lado a lado, passe metade da lata de Moça Docinho Cremoso. Faça outra camada com 2 massas lado a lado, e agora passe metade do copo de geleia. Repita o procedimento até terminar com uma camada de massa. Feche o plástico e leve para a geladeira por cerca de 4 horas. Desenforme e então cubra com o chantilly. Decore a gosto.

Dicas:

Chantilly sem cobertura na geladeira resseca. Cubra a torta com filme plástico ou tampa de vidro depois de pronta.
Esse Moça Docinho Cremoso nada mais é do que leite condensado para comer de colher. A nestlé lançou já faz um tempo. Bem gostoso.
Inove nos recheios!

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Nhoque ao Molho de Queijo Camembert


Assim como o queijo gorgonzola, demorei a tomar coragem de experimentar outro queijo feito com "mofo". Como já disse em outras postagens, tenho horror a mofo e levei anos até conseguir provar qualquer coisa que fosse feita com algum tipo de fungo. Venci parte desse preconceito e consegui introduzir mais um da nossa alimentação: o Camembert. Esse queijo de origem francesa tem uma casca branca por fora, aveludada, mas por dentro lembra a consistência de um catupiry. Eu gostei desse queijo e achei que ficou muito bom no molho, o sabor é característico, mais suave que o gorgonzola. Vale a pena experimentar!

Para o nhoque:
2 batatas grandes
1 colher (chá) rasa de maionese
Sal a gosto
Farinha de trigo até dar o ponto

Para o molho:
125 gramas de queijo camembert (1 latinha)
500 mL de creme de leite fresco
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Para o nhoque:
Cozinhe as batatas como preferir, amasse e deixe esfriar. Junte então a maionese, o sal e farinha de trigo aos poucos, até começar a desgrudar das mãos. A massa não deve ficar dura. Faça bolinhas e cozinhe em água fervente. Quando as bolinhas subirem dentro da panela, estão prontas.

Para o molho:
Numa panela, misture o creme de leite com o queijo e mexa bem até dissolver. Deixe ferver por mais ou menos 1 minuto, tempere a gosto e sirva com o nhoque.

Dicas:

Sempre que faço nhoque, gosto de cozinhar as batatas cortadas em cubos no vapor. Desta forma, absorvem menos água e a quantidade de farinha usada será menor, deixando a massa mais leve.
O ponto da massa do nhoque é bem complicado de acertar e também de explicar. Costumo fazer assim: quando acho que a massa está boa, faço uma bolinha, cozinho e experimento. Se estiver mole, coloco mais farinha.
A casca do queijo camembert não estava "derretendo" totalmente, então peguei o molho, bati no liquidificador e depois voltei com ele ao fogo. Assim, consegui deixá-lo bem homogêneo.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Bolo de Chocolate Crocante


Achei essa receita no site Pilotando um Fogão, mais especificamente na seção Pilote uma Ideia, onde o leitor manda suas receitas e a Ale, dona do site, publica. Achei bastante interessante o fato da dona da receita ter mencionado que o bolo fica com uma casquinha crocante, isso me deixou doida de vontade! Fui correndo testar a receita, e não é que fica mesmo? Esse bolo nada mais é do que um brownie, só não leva as castanhas. Muito gostoso!

Ingredientes:

180 gramas (3/4 de xícara de chá) de manteiga ou margarina
1 xícara de chocolate em pó
140 gramas (1 xícara de chá) de farinha de trigo
360 gramas (2 xícaras de chá) de açúcar
4 ovos inteiros
1 colher (chá) de fermento

Modo de preparo:

Leve ao fogo uma panela com a manteiga. Quando derreter, retire do fogo, passe para uma vasilha e acrescente o chocolate, a farinha de trigo, o açúcar, os ovos e o fermento. Mexa para misturar os ingredientes. A massa fica meio grossinha mesmo. Coloque em uma assadeira untada e enfarinhada e leve ao forno a 180° por 30 ou 40 minutos. Só abra o forno depois de 30 min. Se estiver sequinho por cima, mesmo que você faça o teste do palito e ele não saia limpo, está pronto! Espere esfriar e desenforme.

Dicas:

Gente, a casquinha crocante só "aparece" quando o bolo está totalmente frio! E o miolo fica molhadinho mesmo, como no brownie. Outra dica interessante é consumir esse bolo em no máximo 2 dias. Como todo brownie, ele vai ficando duro e seco à medida que o tempo passa, e isso não demorar a acontecer.
Fiz meia receita desse bolo. Eu gosto dele mais "baixinho" na forma, então usei uma forma meio grande de propósito.

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Pastelzinho de Forno aos 3 Queijos



Já fiz essa receita antes, só que com recheio de carne. A outra versão pode ser vista aqui. Gosto bastante dessa massa porque é muito fácil de fazer, e fica bem levinha. Agora resolvi testar com recheio de queijo e acho que ficou até mais gostoso.

Ingredientes:

Para a massa:
1 e 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo
1/2 colher (chá) de sal
3 colheres (sopa) de manteiga
1/2 xícara (chá) de creme de leite
Farinha de trigo para enfarinhar
Margarina para untar
1 gema para pincelar

Para o recheio:
300 gramas de catupiry
80 gramas de gorgonzola
200 gramas de muçarela

Modo de preparo:

Para a massa:
Numa tigela, misturar os ingredientes da massa, esfarelando com as mãos e misturando até obter uma bola. Embrulhar em filme plástico e leve à geladeira por 30 minutos. Em outra tigela, misturar os ingredientes do recheio. Abrir a massa com auxílio de um rolo em uma superfície enfarinhada e corte a massa em círculos, usando um copo. Rechear com porções iguais de recheio e fechar, apertando levemente com um garfo. Transferir para uma fôrma untada, pincelar com a gema e levar ao forno médio, pré-aquecido, por 20 minutos ou até dourar. Servir em seguida.

Para o recheio:
Numa panela, derreta o catupiry (fogo baixo, mexendo sempre). Junte a muçarela e o gorgonzola até incorporar bem. Desligue o fogo e espere esfriar.

Dicas:

O recheio deve ser colocado frio sobre a massa. Espere esfriar bem antes de rechear.
Aperte muito bem os pastéis quando for fechá-los, caso contrário, irão abrir enquanto assam.
Sobrou um pouquinho de recheio para essa quantidade de massa.
Eu gosto de retirar a gordura que os queijos soltam no recheio enquanto ele vai esfriando, mas aí fica a seu gosto.

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Torta de Morangos e Avelãs


Sabe quando bate aquela ideia doida de sair inventando e misturando as coisas? Pois é, foi o que me aconteceu com essa torta. Estava com vontade de comer algo diferente, e queria aproveitar a febre dos vermelhinhos - estão lindos, baratos e deliciosos! Inspiração não dá todo dia não, então tratei de aproveitar.

Ingredientes:

Para a base da torta (pão-de-ló):
2 ovos
4 colheres (sopa) de açúcar refinado
5 e 1/2 colheres (sopa) de farinha de trigo

Para o creme de avelãs:
1 lata de leite condensado
3 gemas peneiradas
300 mL de leite
1 colher (sopa) rasa de amido de milho
100 gramas de avelãs trituradas*

Para o merengue italiano:
3 claras
1 xícara (chá) de açúcar
1/2 xícara (chá) de água

Para montagem e decoração:
2 caixas de morangos
30 gramas de avelãs
Calda de chocolate a gosto

Modo de preparo:

Para a base da torta (pão-de-ló):
Bater muito bem os ovos com o açúcar na batedeira até obter uma consistência leve e espumosa. Peneirar a farinha e incorporar na mistura com um fouet. Unte e enfarinhe uma fôrma de 20 cm de diâmetro, de fundo removível, e leve para assar. Desenforme e deixe esfriar.

Para o creme de avelãs:
No liquidificador, bata o leite condensado, o leite, as gemas peneiradas e o amido de milho. Leve ao fogo e mexa sem parar. Quando engrossar, abaixe o fogo e deixe cozinhar por uns 2 minutos, sempre mexendo. Desligue e junte as avelãs trituradas. Reserve até esfriar.

Para o merengue italiano:
Bater as claras em neve. Enquanto isso, levar o açúcar e a água ao fogo baixo, sem mexer. Quando formar uma calda que faça um fio (como chiclete), despejar ainda quente nas claras, sem parar de bater, até formar um creme firme e brilhante.

Para a montagem e decoração:
Na própria fôrma onde o pão-de-ló foi assado, coloque morangos cortados ao meio (seque-os bem numa folha de papel toalha) fazendo toda a volta da assadeira. A parte de dentro do morango deverá ficar voltada para o lado de fora da torta. Em seguida, despeje o recheio de avelãs. Cubra com o merengue italiano. Decore com morangos inteiros, avelãs inteiras e com fios de calda de chocolate. Leve para a geladeira até firmar (umas 4 horas, no mínimo) e então desenforme com cuidado. Sirva gelada.

Dicas:

*Não triture demais as avelãs para o recheio. Ficam mais gostosas quando são achadas aos pedacinhos no creme. Triture grosseiramente no liquidificador.
Se você não gosta de avelãs, experimente fazer com nozes ou castanhas. O mesmo vale para o merengue italiano: você pode cobrir com chantilly, glacê, ganache, etc.




sábado, 18 de agosto de 2012

Tarteletes de Limão e Brigadeiro



Já fiz tarteletes antes, mas não com essa massa. É a mesma que uso quando vou fazer essa torta de morango aqui. Fica macia e levemente doce. Os recheios vão da criatividade de cada um, né? Dessa vez decidi fazer de limão e de brigadeiro, queria algo simples e fácil de fazer.

Ingredientes:

Para a massa:
1 ovo
50 gramas de manteiga
2 colheres (sobremesa) de óleo
1 colher (chá) de fermento em pó
1/4 xícara (chá) de açúcar
1 pitada de sal
Farinha de trigo (até dar o ponto)

Para o recheio de limão:
1 lata de leite condensado
Suco de 2 limões grandes
Raspas de limão a gosto

Para o recheio de brigadeiro:
1 lata de leite condensado
3 colheres (sopa) de achocolatado
1 colher (sopa) de manteiga ou margarina
Chocolate granulado a gosto

Modo de preparo:

Para a massa:
Misturar todos os ingredientes até obter uma massa homogênea. Deixar na geladeira até a hora de usar. Esticar a massa com as mãos, deixando bem fininha, depois coloque nas forminhas para tartelete. Faça furos com o garfo na base de cada forma. Levar para assar até dourar levemente. Retire, espere esfriar e desenforme cada tartelete.

Para o recheio de limão:
Misture o leite condensado com o suco até o creme ficar homogêneo. Despeje sobre a massa já assada e fria e decore com as raspas de limão. Leve para a geladeira até o momento de servir.

Para o recheio de brigadeiro:
Misture o leite condensado, a manteiga e o achocolado numa panela e leve ao fogo até engrossar, sem parar de mexer. Quando começar a desgrudar do fundo da panela, desligue o fogo. Espere esfriar e então recheie as tarteletes. Cubra com chocolate granulado e leve para gelar.

Dicas:

Essa massa cresce um pouquinho na hora que está assando. Por isso é importante deixá-la bem fininha enquanto estiver moldando na forma.
Se preferir o recheio de limão mais azedo, aumente a quantidade de suco. Vai depender do tipo de limão que vc usa e também do tamanho dele.
Eu gosto de fazer brigadeiro com achocolatado ao invés de chocolate em pó. Acho que fica mais doce e prefiro assim. Mas fica a dica para quem prefere um sabor mais forte, é só fazer essa troca.
Essas que eu fiz estão bem simples, mas você pode decorar, colocar chantilly, frutas, use a imaginação.
Renderam 16 tarteletes (8 de cada recheio) e ainda sobrou um pouquinho de massa.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Quiche de Alho Poró



Pessoas, sumi mas voltei. E hoje trago para vocês uma receita deliciosa e que para mim foi novidade: quiche de alho poró. Minha amiga Silvia falou tão bem dessa receita que fiquei com vontade de provar só pela descrição dela. Apesar de ter um blog de culinária, tenho que confessar que sou muito fresca para comer. Tem uma lista enorme de coisas que eu não gosto, e também de coisas que nunca experimentei. Alho poró era uma dessas coisas, eu nem sabia o que era. Tá, se vc é bobo inocente como eu e nem sabe do que se trata, segue a foto do dito-cujo:


Acreditem, isso é gostoso! E não se parece com o alho comum do nosso dia-a-dia. No site do Hortifruti tem umas dicas de como escolher o alho poró, como usar, essas coisas.
Voltando à receita, a massa eu fiz exatamente como manda esse link que a Silvia me passou. Já o recheio, fiz ao meu modo.

Ingredientes:

Para a massa (paté brisée):
380 gramas de farinha de trigo peneirada
10 gramas de sal
230 gramas de manteiga integral sem sal
Água (o quanto baste)
1 clara para pincelar

Para o recheio:
3 ovos
1 xícara de creme de leite fresco (ou use 1 caixinha)
150 gramas de queijo minas padrão ralado
Cerca de 300 gramas de alho poró picado
1 colher (sopa) de manteiga ou margarina
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Para a massa (paté brisée):
Misture a farinha e o sal, acrescente a manteiga gelada cortada em cubos e com as pontas dos dedos, misture sem sovar a massa, formando uma espécie de farofa. Acrescente a água aos poucos até que a massa se torne lisa e homogênea. Reserve refrigerada por 30 minutos. Abra com o rolo e com auxílio de filme plástico e disponha em uma assadeira própria para quiche. Gele, pincele com a clara de ovo crua para impermeabilizar a massa*, fure com garfo** e leve ao forno pré aquecido (180º C) para pré-assar a massa (isso leva mais ou menos uns 10-15 minutos).

Para o recheio:
Refogue o alho poró com a manteiga, tempere suavemente e misture bem. Numa vasilha, bata os ovos, misture o creme de leite e tempere com sal e pimenta a gosto. Disponha o alho poró refogado sobrea massa pré-assada, em seguida despeje o creme por cima. Cubra com o queijo minas padrão ralado e leve ao forno até dourar.

Dicas:

* O site de onde saiu a receita dessa massa dá uma dica valiosa para a quiche ficar sequinha e desmanchar na boca: pincelar clara de ovo sobre a massa crua. Isso impermeabiliza a massa, impedindo que a mesma absorva umidade do recheio.
** Outra dica legal: quando for assar massas para tortas, sempre fure a base com um garfo. Isso é para que a massa asse ao invés de cozinhar.
Usei alho poró já picadinho e higienizado porque quando fui comprar eles estavam meio feinhos. Por isso dei a quantidade dele em gramas e não em unidades. Se você for comprar o alho inteiro, use umas 2 unidades grandes.
Essa massa rende muito, quando fiz a quiche preparei apenas metade dessa receita. Minha fôrma tem uns 25 cm de diâmetro.
Cuidado ao acrescentar a água na massa, pois para dar o ponto você precisa colocar bem pouca quantidade. Se colocar demais, passa do ponto.
Usei queijo minas padrão para o recheio, mas poderia ser qualquer queijo. Era o que tinha em casa sobrando.

domingo, 22 de julho de 2012

Pavê de Morangos e Chocolate Branco



Essa invenção super açúcarada eu tirei das sobras que tinha em casa na incessante busca por um doce. Apesar de não ter ficado bonito (sobremesa bonita aqui é raridade!), ficou delicioso!

Ingredientes:

Para o creme:
1 lata de leite condensado
1 lata de leite
1 colher (sopa) não muito cheia de amido de milho
3 gemas peneiradas (não coloquei)

Para a cobertura:
1 barra de chocolate branco
1 lata de creme de leite

Para a montagem:
Sobras de bolo pronto (de qualquer sabor) ou biscoitos champagne
1 caixinha de morangos lavados e picados

Modo de preparo:

Para o creme:
Leve todos os ingredientes ao fogo e mexa bem até engrossar, abaixe o fogo e cozinhe por uns dois minutos.

Para a cobertura:
Derreta o chocolate branco, misture com o creme de leite e mexa bem até ficar homogêneo.

Para a montagem:
Forre os fundos de uma travessa com pedaços de bolo e com pedaços de morango. Despeje todo o creme por cima. Faça mais uma camada com bolo e morangos e cubra com o creme de chocolate branco. Decore a gosto (polvilhei chocolate em pó) e leve para gelar por cerca de 4 horas. Sirva gelado.

Dicas:

Esse pavê é super simples e rápido, vale fazer com outras frutas e também com qualquer tipo de biscoito.

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Trança de Atum



Sobrevivi a mais uma mudança, daí o motivo do meu sumiço. Esse pão delicioso estava guardado há tempos no meu acervo, mas só agora tive tempo para postar. Empolguei com esse negócio de pão e minha amiga Silvia Faria me passou essa receita. Eu nunca imaginei que um pão com atum fosse ficar tão bom, confesso rsrsrs. Silvia, obrigada pela receita!

Ingredientes:

Para a massa:
30 gramas de fermento biológico fresco
1 xícara (chá) de água
1 ovo
1/2 xícara (chá) de óleo vegetal
1 colher (sobremesa) de açúcar
1 colher (sopa) de sal
Cerca de 500 gramas de farinha de trigo integral (usei da comum)
1 gema para pincelar

Para o recheio:
1 maço de cheiro verde
2 dentes de alho picados
1 cebola grande picada
1 pimenta dedo-de-moça sem sementes (não coloquei)
1 lata de atum
Sal a gosto
2 colheres (sopa) de azeite de oliva

Modo de preparo:

Para a massa:
Bata no liquidificador o fermento, a água, o ovo, o óleo, o açúcar e o sal. Leve a mistura para um recipiente e acrescente a farinha de trigo aos poucos, amasse até obter uma massa macia. Deixe descansar por 15 minutos.

Para o recheio:
Coloque todos os ingredientes do recheio em um recipiente e misture bem.

Montagem:
Em uma superfície polvilhada com farinha de trigo divida a massa em três partes iguais, abra cada uma em formato de retângulo, recheie, feche e modele a trança. Coloque a trança em uma assadeira antiaderente (usei uma comum e untei com margarina), deixe descansar até dobrar de volume. Pincele a gema batida e leve ao forno preaquecido (180º) por 40 minutos aproximadamente.

Dicas:

Essa massa de pão é ótima e fica boa com qualquer tipo de recheio. Lembre-se apenas de colocar recheios frios sobre a massa.

terça-feira, 12 de junho de 2012

Cestinha de Pastel



Gente, olha só a receita desse petisco que encontrei lá no Panelaterapia! Talvez seja uma das receitas mais fáceis que já postei aqui. Serve como entradinha de almoço, tira-gosto, salgadinho de aniversário, etc.

Ingredientes:

Massas de pastel
Forminhas de empada
Recheio a gosto (eu fiz com peito de peru, catupiry, tomate cereja e ervilhas)

Modo de preparo:

Forre as forminhas de empada com as massinhas para pastel. Leve ao forno para dourar levemente. Retire e coloque um recheio a gosto. Volte com as cestinhas ao forno para terminar de dourar. Desenforme e sirva.

Dicas:

A massinha fica muito crocante, por isso não pode colocar o recheio com muita antecedência porque a umidade dele pode amolecer a massa.

domingo, 3 de junho de 2012

Bolo Love


Quem acompanha o meu blog já ouviu falar na Izabel Augusta através de algumas postagens como a Salada Enroladinha, o Bolo Alpino Branco de Morango, o Chocotone Trufado de Limão, dentre outras delícias. Criatividade não falta para a Izabel. Essa receita dela eu já venho namorando desde o ano passado, mas só por esses dias consegui comprar uma forma de acetato para fazer esse bolo. Lá na comunidade Culinária-Receitas do Orkut tem um passo-a-passo incríveeel dessa receita, olhando as fotos dela fica até mais fácil de fazer. Para ver a postagem da Izabel, clique aqui. É um bolo trabalhoso, mas o resultado vale muito a pena. Delícia!

Ingredientes:

Para o bolo:
4 ovos inteiros peneirados
1 1/2 xícara (chá) de açúcar refinado
1/2 xícara (chá) de água quente
1 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo peneirada
3/4 xícara (chá) de amido de milho peneirado
1/4 xícara (chá) de óleo de milho ou manteiga derretida
1 pitada de sal
1 colher (sopa) rasa de fermento em pó

Para o recheio 1:
2 cumbucas de morangos (usei 2 caixinhas)
1/2 xícara (chá) de açúcar

Para o recheio 2:
500 gramas de chocolate nobre - branco
200 gramas de creme de leite comum (de caixinha)
1 xícara (chá) de chantily batido sem açúcar (usei o chantilly de caixinha)

Outros ingredientes (para a cobertura)*:
250 gramas de chocolate fracionado - branco (da melhor qualidade que encontrar)
50 gramas de chocolate fracionado - escuro (essas medidas poderão variar para mais ou para menos, dependerá da espessura da cobertura)
1 forma de acetato (dessas de doceria, usadas para cobrir os bolos), limpa e sem fissuras
Chantilly e morangos para decorar

Modo de preparo:

Para o bolo:
Bata os ovos inteiros e o açúcar por cerca de 15 minutos. Junte os demais ingredientes e bata levemente, apenas para misturar. Despeje a massa numa fôrma (25 cm) untada e enfarinhada (ou use papel manteiga), e leve para assar no forno pré-aquecido, 180ºC. Espere esfriar e corte a massa em 3 discos.

Para o recheio 1:
Pique os morangos e reserve uma cumbuca. Leve ao fogo a segunda cumbuca com o açúcar, deixe cozinhar e ferver até formar uma geléia. Espere esfriar completamente e junte aos morangos picados reservados.

Para o recheio 2:
Aqueça o creme de leite e junte o chocolate picado (cuidado para não queimar o chocolate!). Misture bem e vá desmanchando os grumos. Se necessário, leve por mais alguns minutos para derreter no micro-ondas ou em banho-maria. Após totalmente frio, junte a xícara de chantilly reservado, incorpore e terá um recheio aerado.

Montagem:

Derreta o chocolate fracionado escuro e com o auxílio de uma colherzinha ou pincel, faça pequenas camadas no fundo da forma. Espere secar, derreta o chocolate branco e cubra todo o fundo e as laterais da forma, fazendo uma camada de chocolate. Deixe secar naturalmente, usando chocolate fracionado isso acontece rápido. Pegue um pouquinho do recheio 2 e aplique na casca de chocolate, que deverá estar seca no fundo da forma. Pegue um disco de massa de bolo e cole sobre a camada de recheio que você acabou de espalhar. Com o segundo disco de massa, corte tiras e faça as laterais da forma, cortornando todo o círculo. Quando estiver todo preenchido, molhe com guaraná (não molhe demais!). Aqui eu usei leite. Utilize quase todo o recheio número 2 para fazer tipo um "ninho", passe-o nas laterais e também no centro, mas deixe uma "cova". Nesse "ninho", coloque todo o recheio número 1. Com o terceiro disco de massa, "feche" o bolo e vede as pequenas aberturas que houver com sobras de bolo. Acabe com o restinho do recheio número 1, alisando o fundo do bolo. Leve para a geladeira por cerca de 1 hora, até o chocolate ficar opaco (isso mostra que ele já "descolou" e secou. Desenforme com cuidado, faça um acabamento com chantilly e decore a gosto.

Dicas:

*Pela foto já dá para ver que troquei algumas coisas na receita original. Achei que o bolo ia ficar muito doce com chocolate branco no recheio e também na cobertura, então decidi fazer a cobertura toda com chocolate ao leite.
Aqui em casa não entra chocolate fracionado de jeito nenhum porque eu detesto. Daí fiz com chocolate nobre (usei lacta)... isso explica o tanto de rachadura na casca e o aspecto dele. Para quem for fazer com chocolate nobre, recomendo fortemente que você dê o choque térmico, faça a temperagem correta! Falo isso porque eu não sei fazer direito, o meu chocolate não secava de jeito nenhum, tive que colocar na geladeira para secar e ficou lá dentro por quase 6 horas. Pensei que teria que comer direto da forma porque o troço não secava! Meu marido desenformou para mim rsrsrs, então disfarcei ao máximo as rachaduras com chantilly. Também acho que a minha camada de chocolate ficou grossa demais.
Outra dica que dou é com relação ao tamanho da fôrma. Essa quantidade de massa é ideal para uma forma de 25 cm, e eu usei uma de 20 cm! O bolo ficou muito alto e as 3 camadas de massa ficaram muito grossas. O objetivo é fazer finas camadas de bolo, como se fosse uma casinha para o recheio de chocolate branco e os morangos. O da Izabel até escorreu uma caldinha, mas o meu não.
E para finalizar, fica a dica de ver o passo-a-passo, entender tudo sem as fotos é meio difícil. Eu até ia fazer o meu, mas acabei distraída no chocolate que não secava e esqueci de fotografar o resto. Ah! E lá na comunidade tem várias fotos de pessoas que fizeram essa receita para servir de inspiração.