terça-feira, 31 de agosto de 2010

Pão Bolo



Achei muito interessante essa receita, postada pela Iara na comunidade "Culinária - Receitas" do Orkut. Originalmente, era um pão bolo doce e sem recheio. Vi algumas pessoas fazendo assim e resolvi experimentar. Ótima opção para o lanche da noite!

Ingredientes:

Para o pão:
1 ovo
250 mL de leite morno
1/2 xícara (chá) de óleo
1/2 (5 gramas) pacote de fermento biológico (usei Dr. Oethker)
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal

Para o recheio:
Presunto e mussarela a gosto, picadinhos
2 colheres (sopa) de ervilhas
2 colheres (sopa) de milho verde
Orégano para polvilhar

Modo de preparo:

Para o pão: Bater no liquidificador o ovo, o leite, o fermento e o óleo. Misturar a farinha com o sal numa vasilha funda e despejar essa mistura por cima. Mexer bem.

Montagem:
Colocar metade da massa numa fôrma redonda (20 x 7 cm) untada e enfarinhada, colocar o recheio e cobrir com a massa restante. Polvilhar orégano, cobrir com um pano e deixar descansar por cerca de 1 hora até dobrar o volume. Assar em forno pré-aquecido até dourar.

Dicas:

Ao misturar os líquidos com a farinha, a massa fica meio pesada mesmo.
O tempo que você deve deixar a massa crescer varia de acordo com a temperatura, se estiver quente no dia, crescerá bem rápido. Deixe a massa num local mais abafado, como dentro do forno. O tempo para assar também varia, depende do fogão de cada um.
Use a criatividade e inove nos recheios - calabresa, salsicha, queijos, etc. Você também pode fazer sem rechear. A receita na versão doce levava 4 colheres (sopa) de açúcar, e somente 1 pitada de sal. Qualquer hora vou fazer assim e colocar recheio de goiabada.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Bolo de Laranja


Fazia tempo que eu estava com vontade de comer bolo de laranja. Esse é muito leve e fácil de fazer!

Ingredientes:

Para o bolo:
2 gemas
2 claras
1 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de farinha de trigo
1/2 xícara (chá) de suco de laranja coado
1 colher (sobremesa) de fermento

Para a calda:
1/2 xícara (chá) de suco de laranja coado
Açúcar de confeiteiro a gosto

Modo de preparo:

Para o bolo:
Na batedeira, bater bem todos os ingredientes, exceto as claras que devem ser misturadas delicadamente com uma colher, por último. Despejar a massa numa fôrma com furo central, untada e enfarinhada, e levar para assar em forno pré-aquecido.

Para a calda:
Desenforme o bolo ainda quente, faça furos com um palito e despeje o suco de laranja. Coloque açúcar de confeiteiro por cima até cobrir o bolo.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Bem-casados



Eu adoro esses biscoitinhos! Aproveitei que tinha em casa geléia de goiaba aberta e açúcar de confeiteiro e usei nessa receita muito fácil.

Ingredientes:

100 gramas de manteiga
2 colheres (sopa) de açúcar
1 xícara (chá) de farinha de trigo
½ colher (chá) de fermento em pó
Geléia de goiaba para rechear
Açúcar de confeiteiro para polvilhar

Modo de preparo:

Bater muito bem a manteiga, depois acrescentar o açúcar e bater novamente até clarear. Peneirar juntos a farinha de trigo e o fermento. Adicionar ao creme e mexer levemente, sem bater. Com as mãos enfarinhadas, enrolar bolinhas e colocar na assadeira. Assar em forno médio (180º C), pré-aquecido, por cerca de 30 minutos (não deixar corar). Retirar os biscoitos da fôrma e esperar esfriar. Unir dois a dois com a geléia e passar pelo açúcar de confeiteiro. Guardar num recipiente bem fechado. Servir no dia seguinte.

Dicas:

A receita não rende muito. Faça bolinhas pequenas (com cerca de 2 cm de diâmetro) para poder unir dois a dois sem ficar muito grande, pois os meus ficaram enormes. Esses biscoitinhos são bem quebradiços, por isso faça de um tamanho que dê para colocar tudo na boca rsrsrsrs!
A massa fica mole mesmo, mas não tanto. Se estiver muito pastosa, coloque um pouco mais de farinha de trigo.
Ao retirar do forno, espere esfriar totalmente (eu até coloquei na geladeira!), caso contrário, eles se quebraram muito facilmente na hora de rechear.
Outra opção de recheio é o doce de leite, também fica muito bom.
Ah! A receita manda servir no dia seguinte... mas quem disse que eu esperei?

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Quibe de Frango Recheado


Uma receita bem diferente. Tirei de uma comunidade do Orkut, "Culinária - Receitas", e quem postou foi a Emília. Fiz umas adaptações na original. Quibes assados em geral não são pratos muito "bonitos", mas são muito bons!

Ingredientes:

Para o quibe:
Cerca de 500 gramas de peito de frango cozido e desfiado
200 gramas de trigo para quibe
450 mL de água fervendo
½ cebola grande picadinha
2 tomates grandes, sem pele e sem sementes, picados
Cheiro verde, sal e pimenta a gosto
200 gramas de maionese
Azeite para regar

Para o recheio:
Cerca de 3/4 copo de requeijão cremoso
180 gramas de presunto em fatias
180 gramas de mussarela em fatias

Modo de preparo:

Para o quibe:
Esquentar a água e colocar temperos a gosto. Despejar sobre o trigo e deixar de molho por 1 hora (o líquido será todo absorvido, não será necessário espremer nada). No trigo temperado acrescentar o frango, os tomates, a cebola, a maionese, o cheiro verde e misturar bem.

Montagem:
Colocar metade da massa do quibe num refratário, alisar e espalhar a presunto, a mussarela e o requeijão. Cobrir com o restante do quibe, regar com azeite e levar para assar em forno médio.

Dicas:
Se quiser, use o tradicional "catupiry" ao invés do copo de requeijão cremoso. Na próxima, vou fazer assim.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Espaguete Verde Cremoso



Hoje acordei com vontade de comer macarrão. Essa receita eu inventei, nunca tinha usado brócolis em nenhuma massa antes, pois pensava ser algo que ficasse bom somente em saladas, rsrsrs. E não é que combinou? Especialmente para os vegetarianos, como minha amiga Camila!

Ingredientes:

250 gramas de espaguete
1 lata de creme de leite
1/2 pimentão picado em cubos pequenos
200 gramas de brócolis
1/2 lata de ervilhas
Cerca de 150 mL de leite
Sal, pimenta e salsa a gosto
1 colher (sopa) rasa de margarina
Queijo parmesão para polvilhar

Modo de preparo:

Aqueça a margarina e refogue o pimentão. Em seguida, junte o brócolis cozido e as ervilhas escorridas. Abaixe o fogo e deixe por uns 2 minutos. Junte o leite e o creme de leite. Coloque temperos a gosto. Deixe aquecer bem, porém sem ferver. Cozinhe o macarrão em bastante água com sal até ficar "al dente". Num refratário fundo, despeje um pouco de molho, o macarrão cozido e o molho restante. Polvilhe parmesão e leve ao forno pré-aquecido por uns 5 minutos. Sirva em seguida.

Dicas:

Eu costumo usar brócolis congelado, aqueles de saquinho. Caso prefira o fresco, use metade e cozinhe bem. Cozinhei no vapor por cerca de 5 minutos.
Usei ervilhas de lata, embora ache as ervilhas frescas mais saborosas.
Não gosto de cozinhar macarrão com óleo, cozinho apenas com água e sal. Acho que o óleo atrapalha a aderência do molho. Além disso, sempre acaba grudando se ficar sem molho, com ou sem óleo no cozimento. Por isso prefiro não colocar. Também não gosto de passar o macarrão pela água fria como muita gente faz após o cozimento. Acho que esfria a massa e continua grudando.
Você também pode substituir a margarina por azeite para refogar o pimentão, brócolis e as ervilhas.
Essa receita serve 2 pessoas.

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Batatas ao Murro


Achei essa receita numa revista de culinária (Menu) e me espantei ao perceber que um prato tão simples desses é servido num restaurante chique, por uma chef renomada. Sempre penso que esses pratos são complicadíssimos... Eis a prova de que nem sempre! A receita consiste basicamente em cozinhar batatas e dar um murro nelas! Isso mesmo, um murro! Quando eu li, nem acreditei na simplicidade e resolvi fazer para acompanhar os "rolinhos de frango invertidos" no domingo passado. É de origem portuguesa.

Ingredientes:

5 batatas médias
Sal
Manteiga para fritar

Modo de preparo:

Cozinhar as batatas em água e sal até ficarem macias. Descascar e ainda quente, dar um murro nas batatas (cuidado para não queimar as mãos). Aquecer cerca de 1 colher (sopa) de manteiga numa panela com teflon e colocar as batatas para fritar, dos dois lados. Quando estiverem douradas, retirar e servir.

Dicas:

Dependendo do ponto de cozimento das batatas, o murro pode quebrá-las em vários pedaços. Caso isso aconteça, molde os pedaços ainda quentes com as mãos, dando novamente o formato de batata, só que meio amassada.
Se quiser, acrescente mais temperos - salsa, pimenta, orégano, etc. Coloquei apenas sal para seguir a receita da revista.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Rolinhos de Frango Invertidos



Uma receita bem diferente e muito saborosa, fiz domingo no Dia dos Pais. Tirei da comunidade "Culinária - Receitas" do orkut (postada pela Nani) e fiz umas alterações. A foto não está muito boa porque o requeijão misturou com o molho, que já era bastante, mas eu garanto que fica bom!

Ingredientes:

Cerca de 15 fatias finas de presunto
Cerca de 15 fatias finas de mussarela
1/2 quilo de filé de frango
1 lata de molho de tomate
1/2 lata de ervilhas
1 copo de requeijão
50 gramas de queijo parmesão

Modo de preparo:

Limpar e cortar o frango no comprimento da largura da fatia de presunto, no formato de palitinhos com a grossura aproximadamente de 1 dedo (o objetivo é fazer pequenos canelones com as fatias de presunto e queijo, com o frango no meio recheando). Temperar esses pedaços de frango a gosto. Pegar uma fatia de presunto, colocar a de queijo por cima e depois o frango. Enrolar no sentido do comprimento, fazer até terminar as fatias e reservar. À parte, misturar o molho de tomate com um pouco de água e deixar ferver para remover a acidez (o molho não pode ficar muito grosso). Despejar metade desse molho num refratário alto, colocar todos os rolinhos bem juntos e depois juntar o restante do molho. Colocar numa assadeira com água e levar para assar no forno pré-aquecido a 220º C para cozinhar por cerca de 25 minutos. Quando estiver assado, retirar do forno e espalhar o requeijão as colheradas. Colocar as ervilhas e o parmesão, voltar ao forno para derreter. Servir quente.

Dicas:

Não deixe os rolinhos "descobertos", certifique-se de colocar bastante molho para que cozinhem. Caso contrário, ficarão ressecados e duros.
A receita original levava creme de leite e milho batidos por cima do molho de tomate. Como já havia uma grande quantidade de molho, achei que ficaria demais e não coloquei. Fica aí a ideia para a próxima vez, lembrando que a quantidade de molho de tomate deve ser reduzida caso deseje colocar este creme.
Caso queira aumentar a receita, basta dobrar os ingredientes (use 1 kg de filé de peito de frango).

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Filé de Frango Cremoso com Queijo


Essa é pra quem gosta de creme de leite!

Ingredientes:

500 gramas de filé de peito de frango
Temperos a gosto para o frango (usei tempero caseiro, molho inglês e molho de pimenta)
1 caixinha de creme de leite
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
3 colheres (sopa) de ervilhas, escorridas
Cerca de 80 gramas de mussarela fatiada
Sal, pimenta e orégano a gosto

Modo de preparo:

Tirar 4 filés com cerca de 1 a 1,5 cm de espessura. Bater levemente com o martelo para que fiquem uniformes. Temperar a gosto e deixar descansar por cerca de 30 minutos. Grelhar bem cada filé e dispor numa fôrma. Cobrir cada filé com uma fatia de mussarela. Reservar.
Numa panela, aquecer levemente o creme de leite, colocar o queijo parmesão e as ervilhas. Acertar o sal, colocar um pouquinho de pimenta do reino e orégano. Mexer bem e despejar sobre os filés. Levar ao forno por cerca de 15 minutos, apenas para aquecer.
Servir imediatamente.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Almôndegas Recheadas com Queijo



Depois que descobri a receita de almôndegas assadas ao invés de fritas, nunca mais fiz da outra maneira. Acho que fica mais leve e saudável, faz menos sujeira e o resultado é muito bom. Mas há quem goste apenas de almôndegas fritas. Tirei essa receita da caixinha da "Maizena" e fiz umas adaptações.

Ingredientes:

1/2 quilo de carne moída (uso patinho moído)
1/2 cebola pequena ralada
1 colher (chá) de sal
Pimenta e salsa a gosto
1/2 xícara (chá) de amido de milho
Cerca de 150 gramas de queijo tipo mussarela, picado em cubos
1 lata de molho de tomate pronto

Modo de preparo:

Misturar bem a carne com a cebola, o sal, a pimenta, a salsa e o amido de milho. Abrir a massa na mão como se fosse uma coxinha, rechear com os cubinhos de queijo, fechar e fazer bolinhas. Colocar para assar numa fôrma untada com óleo, forno pré-aquecido. Deixar por cerca de 20 minutos ou até dourar. Enquanto isso, aquecer o molho de tomate com um pouco de água. Se necessário, acerte o sal. Depois de assadas, retirar as almôndegas e colocar para ferver por uns minutos junto com o molho.

Dicas:

As almôndegas costumam grudar um pouquinho na fôrma (mesmo untando), tenha cuidado ao retirá-las.
Se quiser, faça o seu próprio molho de tomate ao invés de usar o molho pronto.
Ao rechear, verifique se fechou bem cada bolinha para que o queijo não "vaze" durante o cozimento.

domingo, 1 de agosto de 2010

Bolo de Doce de Leite com Marshmallow



Meu primeiro bolo com cobertura de marshmallow! Deu certinho e ficou muito bom. A receita foi retirada da comunidade "Culinária - Receitas" do Orkut (postada pelo Rafael), a massa e a cobertura foram mantidas, embora tenha modificado o recheio.

Ingredientes:

Para o bolo:
2 ovos
2 xícaras (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de margarina
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
Cerca de 3/4 xícara (chá) de leite
1 colher (sobremesa) de fermento em pó

Para o recheio:
1 lata de leite condensado
Cerca de 3 colheres (sopa) de creme de leite

Para a cobertura (marshmallow):
1 xícara (chá) de açúcar
1/2 xícara (chá) de água
2 claras

Modo de preparo:

Para o bolo:
Bater muito bem os ovos, o açúcar e a margarina. juntar a farinha de trigo, o leite e o fermento, bater bem. Despejar numa fôrma redonda (20 x 7)cm, untada e enfarinhada, forno pré-aquecido 180ºC, levar para assar.

Para o recheio:
Cozinhar o leite condensado na panela de pressão por cerca de 40 minutos. Depois de fria, abrir a lata e bater o doce na batedeira para ficar cremoso. Juntar o creme de leite e misturar bem.

Para a cobertura:
Bater as claras em neve. Enquanto isso, levar o açúcar e a água ao fogo baixo, sem mexer. Quando formar uma calda que faça um fio (como chiclete), despejar ainda quente nas claras, sem parar de bater, até formar um creme firme e brilhante.

Montagem:
Depois de frio, cortar o bolo em 2 partes. Colocar uma das partes da própria fôrma onde foi assado e molhar com a calda de sua preferência (molhei com leite e açúcar). Espalhar o recheio. Molhar a outra parte da massa e tampar o bolo. Levar para gelar por cerca de 1 hora para o recheio ficar firme. Desenformar e espalhar a cobertura. Caso queira, coloque calda de chocolate por cima (usei uma de sorvete) para decorar.

Dicas:
A receita original levava amendoim no recheio. Para isso, basta acrescentar cerca 3 colheres (sopa) de amendoim torrado e moído. Use também para decorar, colocando um pouco por cima do marshmellow.
Caso queira um bolo maior, dobre a receita.